rb bertomeu, S.L.

 Pol. Ind. Fondo de Llitera, Par. 82-83

E-22520 Fraga, Huesca (España) 

Tel. +34 974 47 48 04

+34 630 43 08 43
www.bertomeu.es

bertomeu@bertomeu.es

 

BOLETIM TÉCNICO

Nº 17   

A DOSAGEM DOS ADITIVOS PARA FUEL E GASÓLEO

Nas instalações industriais consumidoras de fuelóleo ou gasóleo, é tão importante a eleição do tipo de aditivo a utilizar, em função dos problemas existentes e dos objectivos de melhoramento que se pretendam, como a escolha do sistema de dosagem do mesmo.

Independentemente do combustível ser aditivado na linha de entrada para o tanque de armazenamento, como ser aditivado na linha de consumo ou na entrada para um depósito intermédio, a aditivação deve fazer-se sempre utilizando uma bomba doseadora com regulação de caudal, para alcançar as duas premissas básicas que permitem que o aditivo desenvolva a máxima eficácia ao custo mínimo:

  • Ajuste da relação Aditivo - Combustível, para que não faltem princípios activos nem se consuma um excesso de aditivo desnecessário.
  • Homogeneização da dissolução Aditivo – Combustível, para assegurar que a acção do aditivo alcança todo o combustível armazenado ou consumido, e se evitem massas com aditivação excessiva ou defeituosa.

Adições manuais do aditivo aos tanques industriais de combustível, realizadas antes, durante ou posteriormente ao seu enchimento, não são compatíveis, no mínimo, com a segunda das duas premissas antes citadas.

Normalmente, a bomba doseadora deve estar interconectada com as bombas de trasfega do combustível (bomba de descarga, bomba de envio a tanques intermédios, bomba de alimentação ao consumo) para evitar “esquecimentos” que são difíceis de compensar à posteriori.

O tipo de bomba doseadora deve ser a recomendada pelo fornecedor do aditivo. Em instalações industriais, para a dosagem dos aditivos “rb bertomeu”, recomendamos (e fornecemos sob encomenda) bombas de pistão de média pressão (até 8 Kg/cm2) que, na nossa opinião, proporcionam uma elevada fiabilidade de dosagem em contínuo. No documento indicado mais abaixo, mostra-se, como exemplo, o esquema de uma instalação de dosagem de aditivo, desde um bidão, para aditivar o fuelóleo na linha de descarga das cisternas recebidas ao tanque geral de armazenamento.

Para obter mais informação sobre o tema ver os seguintes documentos de rb bertomeu (clique sobre o título seleccionado):

- Esquema instalación equipo dosificación aditivos “rb bertomeu” (em Espanhol)
- Carta de Referencia de EnergyWorks-Carballo (16/6/2015)” (em Espanhol)
- Carta de Referencia de ASE-Tradebe (em Espanhol)

Pulse aqui para ver os boletins anteriores
Fabricante de aditivos para óleo combustível e óleo cru
(c) rb bertomeu, S.L. - Copyright